Arquivo da tag: youtube

Losse-lóme

Um pequeno projeto natalino do Petri Tikka:

Quenya

Losse-lómë tulë
Mir i milyë endali.
Losse-lómë auta
Va i sardë sámali.

Losse-lómë quilda quanta ómo poic’ alasseo,
Losse-lómë yassë lertar nainalar séressë ná.

Ar san i aurë alcaressë oia.

Inglês

Snow night comes
Into the many weak hearts.
Snow night goes away
From the many hard minds.

The silent snow night full of the sound of pure joy,
The snow night wherein the lamenting ones may be in rest.

And then the day in everlasting glory.

Português

A noite de neve vem
Para dentro de muitos corações fracos.
A noite de neve vai embora
De muitas mentes duras.

A noite de neve silenciosa cheia do som de pura alegria,
A noite de neve onde os lamentosos podem descansar.

E então o dia em glória eterna.

Bug bizarro no site

Existem coisas que eu não consigo compreender na tecnologia. Por exemplo, meu irmão comprou um MP4 esses dias que, segundo o vendedor, não tinha rádio FM. Depois que eu utilizei, não sabemos ainda como, apareceu milagrosamente uma opção para rádio FM, junto com uma multidão de travamentos naquele pequeno aparelho. Foi necessário trocar.

O mesmo MP4 não é reconhecido pelo Windows caso seja “plugado” nas entradas USB frontais do PC, mas é reconhecido normalmente pelas traseiras. Meu irmão simplesmente falou “cansei de tentar entender informática” e aceitou passivo esta bizarrice tecnológica.

Desde segunda-feira eu tento editar a página de Saudações em Élfico, pois eu sei que muita gente entra aqui no site e dá uma olhada. Contudo, esbarrei em uma série de erros tentando adicionar duas frases: uma, o famoso Namárië! de Galadriel, e outra o Tenn’ enomentielva! que utilizo bastante na Valinor.

Hoje resolvi fazer o teste para descobrir o que está dando errado. comecei adicionando linha por linha das frases, até que esbarrei no problema: quando vou colocar a tradução de Namárië! em português — “A d e u s!” Ou seja, meu próprio site não me permite dizer “A d e u s!” Eu me sinto como o Alex Navarro fazendo o review de Big Rigs para a Gamespot.

De todos os bugs que eu encontrei na tecnologia até hoje, este está no top 10 dos mais ridículos.

P.S.: Notou como eu tive de separar a palavra “A d e u s”? É porque nem aqui ele me permite escrever isto!