Arquivo da tag: fontes élficas

… no qual o autor reaprende a escrever

Algumas novidades estruturais no blog.

A primeira é que devido à larga adoção do padrão @font-face entre os navegadores de internet modernos, eu estou mudando globalmente a fonte do blog para a Gentium Basic, e você poderá ver essa fonte mesmo que não a tenha instalada no seu computador. Você também deve poder ler 1RjaH como o Quenya telco escrito em Tengwar sem ter as fontes élficas instaladas.

Se você estiver utilizando o Mozilla Firefox como a maioria dos meus visitantes, ou o Google Chrome como 14% deles, você não notará diferença no layout do site. Contudo, se você estiver utilizando o Internet Explorer, notará que não há mais borda separando o fundo da área de conteúdo, e por isso me desculpo. O padrão de Cascading Style Sheet 3 me permite utilizar o estilo box-shadow, e isso me economiza muito tempo de Photoshop e o trabalho de encaixar as imagens no lugar. Neste momento eu não tenho como investir tanto tempo no design do blog. Mas não se preocupem! O Internet Explorer 9 terá suporte para essa função do CSS3 e ele é um excelente navegador, mesmo em sua versão beta!

Por fim, eu estou revisando artigos antigos dos resumos do Curso de Quenya, tentando simplificar o conteúdo ao máximo. A Lição 1 deve dar uma ideia do que eu estou falando. Onde antes havia tabelas e uma extravagância de negritos e itálicos há, agora, um artigo bem mais conciso.

Nova versão das fontes élficas

Atualizei o Compêndio de Fontes Élficas para a versão 3, e você já pode baixá-la aqui. Desta vez tive certeza de que o registro do Windows é atualizado, o que deve fazer as fontes instalarem automaticamente sem qualquer problema.

A pasta que você escolhe na instalação é para onde a documentação das fontes vai, não as fontes em si. Se você precisa saber qual tecla corresponde a qual caractere, vá até aquela pasta e veja a documentação.

Alguma dúvida sobre as escritas élficas (escritas, não línguas!), dê uma olhada no artigo "O que você sempre quis saber sobre Tengwar".

O que você sempre quis saber sobre Tengwar

 

Introdução

Quase todo dia eu recebo e-mails ou mensagens pedindo para passar nomes ou frases para "élfico". Na maior parte das vezes, isso significa passar para o sistema de escrita Tengwar. Outras vezes eu recebo mensagens pedindo para que eu passe a frase "tal" para Tengwar Sindarin, como se essa fosse uma língua ou um sistema de escrita em si. Ambos esses pedidos deixam transparecer que o leitor ocasional não compreende o que eles estão pedindo. Tentarei tirar algumas dúvidas aqui.

O que é "Tengwar"?

Tengwar é isto:

Um exemplo de Tengwar.
Um exemplo de Tengwar.

O que é "élfico"?

Aiya Eärendil elenion ancalima!

Como eles se relacionam?

A frase que está escrita em Tengwar é a mesma que está escrita nos caracteres latinos. O que nos leva à conclusão de que...

TENGWAR É UM ALFABETO, NÃO UMA LÍNGUA!

Como eu aprendo a escrever com o alfabeto Tengwar?

Há dois passos para se seguir no aprendizado:

Aprender o "Modo"

Isso significa aprender a convenção feita por Tolkien ou por fãs entre cada um dos caracteres disponíveis no alfabeto Tengwar e os sons de uma determinada língua. (No nome de cada Modo abaixo há um link para o local onde você pode aprendê-lo.)

A língua Quenya utiliza o Modo Clássico. A língua Sindarin utiliza o Modo de Uso Geral ou o Modo de Beleriand. A Fala Negra de Mordor e a própria língua inglesa também utilizam o Modo de Uso Geral.

O português nunca teve um modo inventado por Tolkien. Os fãs brasileiros da Valinor, contudo, inventaram um Modo Português que está em desenvolvimento neste link.

Aprender a usar as fontes

As fontes do Tengwar não possuem uma correspondência de 1:1 entre o alfabeto latino e o Tengwar. Se você realmente fez o que eu disse e aprendeu os modos antes de tentar usar as fontes, o motivo para isso deve ficar bem óbvio.

Caso você seja apressadinho e pulou o passo anterior (que vergonha, hein?), o motivo para o qual as fontes Tengwar não possuem uma correspondência de 1:1 para o alfabeto latino é que um só símbolo Tengwar pode representar o som de até TRÊS LETRAS latinas em alguns Modos.

Como eu sei descubro qual tecla mostra qual caractere com as fontes Tengwar?

Se você baixou meu Compêndio de Fontes Élficas, deve ter percebido que ele veio com a documentação de cada fonte. Na pasta "tngan120" você encontra o arquivo "tngandoc.pdf", que a partir da página 7 traz um mapa de caracteres excelente para imprimir e usar como guia. Ele serve para todas as fontes, e as variações de uma para outra são mínimas.

A fonte Tengwar Quenya é mais adequada para escrever na língua Quenya?

Não. Isso é um dos erros mais comuns para os novatos. A fonte Tengwar Quenya (assim como a sua irmã Tengwar Sindarin e a língua Sindarin) não foi feita especificamente para escrever em Quenya. O criador delas, Dan Smith, simplesmente escolheu esse nome para representar um estilo de caligrafia élfico nos qual ele se baseou para criar sua fonte.

Qual a diferença de uma fonte para outra, então?

Só a aparência. Abaixo segue o nome da personagem Galadriel no Modo de Beleriand nas fontes Tengwar Eldamar, Tengwar Cursive e Tengwar Annatar (normal, e depois itálico). De repente você consegue perceber a diferença:

Galadriel em Tengwar, Modo de Beleriand
Galadriel em Tengwar, Modo de Beleriand

Conclusão

Eu creio que vocês terão muito mais dúvidas do que as que eu esclareci acima. Portanto, sintam-se livres para fazer essas perguntas nos comentários!

Lorem ipsum élfico

Quando eu compro uma nova carga para minha caneta tinteira, noto que sempre acabo testando utilizando o poema Namárië. Isto me lembra muito do uso do Lorem Ipsum:

Em design gráfico e editoração, Lorem ipsum é um texto utilizado para se preencher o espaço de texto em publicações (jornais, revistas, e websites), com a finalidade de verificar o lay-out, tipografia e formatação antes de utilizar conteúdo real. Muitas vezes este texto também é utilizado em catálogos de tipografia para demonstrar textos e títulos escritos com as fontes. (Wikipédia: Lorem Ipsum)

Eu pensei então "poxa, seria legal se eu colocar uma transcrição do Namárië para que as pessoas que instalaram o Compêndio de Fontes Élficas possam testá-las imediatamente!" E foi isso que eu fiz, como vocês podem verificar na página do compêndio. Contudo, para os curiosos, ela está aqui embaixo também:

lEÁ j.E7T`V jE4#6 jE,T 8~M7T5$5=
hÍ~V5% ~M5~N1Tt$ yR 7~Ct#6 `CmE7Y5Á
hÍ~V5% yR jT4$ hÍUmE6 `Cy~C5%`V6
t% `N7Yt#uT jT,Rt%7Uy~N7RyE
`C2~M5$ qRj¸E= yEuY 1Rj¸Ut#6
5& jlU5% hÍE,R5 1T4%jE6 `B `VjR5%
~Nt#7ÍY lE7R1~C7Tj~B7T5$5-

8~B t#5 `B hÍUjt# 5%5 `Vv#4&yEÀ

`C5 8~B 1T4#j¸R yEuE lY`NjY,R`N
yR eE5Ì#6 t~C7ÍE1 `VjR4~C7T `N61E5$
`C6 `Bj´R 1T`V6 `M2&j~CyR jUw&jR
`C6 iT2#5~N7T`Vj¸Y alE1E t^65%`V
`B eEjt#jT5"#6 `Bw$ t$1=
`C6 9~BiT`V `M4~MqE aEjEaT7ÍY t~B7T lY`CjR-
8~B yE5nE 5~C= 7~Nt$j¸Y yE5nE= yEjTt#6Á

5#t~C7T`VÁ 5lE 9G7UyEj´R yEjTt#6Á
5lE `Vj´R 9G7UyEÁ 5#t~C7T`VÁ

Viu um monte de caracteres aleatórios? Então baixe o Compêndio de Fontes Élficas você também!