Arquivo da tag: lista de palavras

Listas de palavras Quenya-Inglês atualizadas na Ardalambion

O título diz tudo. Abaixo segue a tradução do e-mail de 3 de maio de 2012 do Helge para a lista Elfling:

Eu fiz o upload da versão atualizada das listas de palavras Quenya-Inglês:

http://folk.uib.no/hnohf/quen-eng.doc

Eu adicionei um número de palavras do Qenya Lexicon que eu usei nas minhas traduções da Bíblia, e finalmente fiz um número de correções baseadas nas notas que a Valeria Barouch me enviou a um tempo atrás.

Uma palavra que está faltando é hep- *"manter". Foi recentemente mencionada aqui [na Elfling] também. É atestada, mais ou menos, no Qenya Lexicon, mas no material antigo significava "prender". O significado tardio (provável) "manter" é deduzido do Sindarin heb- e a raiz KHEP usada em material tardio com esse sentido, mas há ao menos alguma sobreposição semântica potencial entre "manter" e "prender".

...

A alguns meses atrás eu também consegui algumas correções do Francesco Veneziano sobre meu curso de Quenya, que eu me sinto mal de não as ter implementado ainda, mas estejam certos que eu aprecio elas e corrigirei os problemas... eventualmente.

A lista de palavras Inglês-Quenya também precisa de muita revisão para refletir a quantidade de material no Parma 17 em particular, mas ao menos as palavras já estão na lista Quenya-Inglês (link acima). A terminologia linguística dos Parmar 18 e 19 ainda estão faltando em ambas as listas.

Helge lançará Lista de Palavras de Sindarin

Na mensagem 298 da lista de discussões Sindict (dedicada à discussão do Dicionário de Sindarin Hiswelóke, de Didier Willis), o escritor do Curso de Quenya, Helge Fauskanger, disse que está criando uma lista de palavras inglês-Sindarin, similar ao trabalho que já fez com o Quenya.

Didier Willis, em uma resposta a essa mensagem, dá o endereço de um projeto similar no qual esteve trabalhando. Sendo baseado no Hiswelóke, eu recomendo o uso desta lista como a mais confiável disponível publicamente para o Sindarin. É uma pena que não tenhamos uma lista igual em português, mas o Gabriel (tradutor do Curso de Quenya) falou que uma tradução provavelmente será publicada após o Curso de Sindarin, pela Arte e Letra. De repente ele se anima também a traduzir as listas de Sindarin.