Arquivo da tag: Christopher Gilson

Parma Eldalamberon 17: Anúncio Oficial

Christopher Gilson enviou a seguinte carta tanto à lista Elfling e Lambengolmor ontem (dia 26):

"Parma Eldalamberon", 'O Livro das línguas Élficas', é um jornal da Elvish Linguistic Fellowship, um grupo de interesse especial da Mythopoeic Society. A edição atual é um comentário por J.R.R. Tolkien do final dos anos 1950 e início dos anos 1960 sobre as palavras e nomes de suas línguas inventadas incorporadas em O Senhor dos Anéis. Este comentário foi editado e anotado por Christopher Gilson, com a permissão e orientação de Christopher Tolkien e da Tolkien Estate.

"Palavras, Frases e Passagens" é uma coleção de notas sobre os exemplos de Quenya, Sindarin, anão, rohírrico, e fala negra ocorrendo em O Senhor dos Anéis, com traduções detalhadas e explicações sintáticas, junto com uma discussão das etimologias de várias palavras e nomes. Para exemplos élficos, estes foram traçados até suas raízes no Eldarin Comum. As entradas foram organizadas por Tolkien na ordem em que as palavras e frases ocorreram na história e esse arranjo foi preservado nesta edição.

Embora Tolkien nunca tenha completado o comentário como originalmente planejava, ele manteve a mais apressada lista de palavras e nomes, a partir da qual ele trabalhava; e ele continuou a compor notas adicionais sobre a gramática e história das palavras élficas e nomes na história. Muitas dessas foram colocadas juntas com "Palavras, Frases e Passagens", e o comentário principal foi suplementado por essas notas nesta edição. Juntos, esses textos dão a visão mais clara que temos sobre como Tolkien concebeu suas invenções lingüísticas nas formas reveladas aos seus leitores.

Em muitas das notas em "Palavras, Frases e Passagens", Tolkien expressa hesitação sobre suas explicações preliminares, ou nota discrepâncias entre elementos ocorrendo em mais de um contexto. As notas mostram como sua reconsideração nesta época das línguas inventadas algumas vezes levaram a revisões no texto d'O Senhor dos Anéis como publicado na 2ª edição de 1965. Elas também mostram como Tolkien alcançou novos insights nas explicações etimológicas de algumas palavras e nomes.

Muitas das entradas em "Palavras, Frases e Passagens" mencionam as raízes de componentes élficos em discussão, e esta edição inclui um índice dessas raízes. Durante este período Tolkien também compilou várias listas e coleções de raízes e palavras derivadas delas. Essas etimologias foram combinadas com o índice em uma única lista alfabética organizada por raiz, fornecendo uma visão holística de seu conceito do estoque de elementos básicos que fundamentam as línguas élficas.

As entradas em "Palavras, Frases e Passagens" foram anotadas para apontar suas conexões com os exemplos das línguas inventadas de Tolkien inclusas em seus outros escritos, como O Silmarillion; Contos Inacabados; Cartas; e A História da Terra-média. Esta edição também inclui um índice organizado por língua, de todas as palavras e frases que são mencionadas nas entradas da lista principal e na lista de raízes.

O Parma Eldalamberon edição número 17 é um jornal de 220 páginas.

Arte de capa por Patrick H. Wynne.

Pedidos - O custo é U$ 35,00 por cópia incluindo postagem e manejo no mundo inteiro. Por favor use o botão PayPal no link a seguir:

http://www.eldalamberon.com/parma17.html

Ou envie cheque ou espécie (dólares americanos apenas) para:

Christopher Gilson
1240 Dale Avenue, No. 40
Mountain View, CA 94040
U. S. A.

Arda Philology 1 publicado

De Anders Stenström, na lista Elfling:

O primeiro volume de Arda Philology, contendo os procedimentos da Omentielva Minya em Estocolmo, agosto de 2005, está agora sendo impressa. Mais informações em http://www.comentielva.com/ardaphil.htm, onde você pode também comprá-lo online.

R$ 48,00 é meio pesado, em minha opinião, mas é possível que valha a pena. Os textos contidos são os seguintes:

  • Petri Tikka: The Finnicization of Quenya (Petri é finlandês, e seus trabalhos de comparação Quenya-Finlandês são muito interessantes);
  • Nils-Lennart Johannesson: Quenya, the Black Speech and the Sonority Scale;
  • Susanne Vejdemo: Tolklangs in the "Real" World;
  • Magnus Åberg: Vowel Affection in Sindarin and Noldorin;
  • Måns Björkman: The Scripts of Aman (Måns Björkman é o webmaster do site Amanye Tenceli, a melhor fonte sobre o assunto na internet, e criador de várias fontes do Compêndio);
  • Christopher Gilson: "Namárië" and the Lexicon of Quenya.

Resumo de “Tolkienian Linguistics: The First Fifty Years”

Novamente o trio Douglas A. Anderson, Michael D. C. Drout e Verlyn Flieger trazem o excelente Tolkien Studies, um compêndio de com diversos ensaios acadêmicos sobre a vida e obra de Tolkien. Em seu volume 4, lançado recentemente, temos um artigo que deve interessar a todos nós: Tolkienian Linguistics: The First Fifty Years, escrito por Carl F. Hostetter, contando a história da lingüística tolkieniana de 1954 até 2007. Continue lendo Resumo de “Tolkienian Linguistics: The First Fifty Years”